email

Últimos

Então, eles haviam mudado de posição, agora um estava de quatro na cama, enquanto o outro esfregava o pau sem colocar para dentro. Isso foi me deixando muito excitada, foi quando resolvi me abaixar para ficar mais confortável e aproveitar o que estava diante de mim, que esbarrei na fechadura, o que quase abriu a porta. Confesso que fiquei um pouco sem graça, mas disfarcei e disse que estava apenas passando por ali e que não queria incomodar, mas eles então disseram que era para eu entrar. E foi assim que começamos a nos pegar os  três.eles começaram a me beijar, e foram tirando minha roupa. Quando já estava completamente nua, um se abaixou, e começou a lamber meu cuzinho, e o outro já foi abocanhando meu pau. Fiquei louca de tesão!!! Mas não acabou por aqui...
Então, o que estava chupando meu cuzinho, foi se levantando lentamente, e passando a língua pelas minhas costas, e quando eu menos esperei, ele já estava chupando meu pescoço e roçando o pau em mim. Começamos a nos beijar, e senti lentamente seu pau entrar em mim, enquanto recebia um boquete maravilhoso daquela putinha safada. Confesso que o tesão estava muito grande entre todos, e quando senti aquele pau me estocando, não demorei muito a encher a boca da vadia de leite, e com meu cu piscando enquanto gozava, senti a porra quente encher meu cuzinho.
Depois disso tudo, saí do quarto, como se nada tivesse acontecido, e não comentamos mais sobre o assunto.

Foi uma experiência deliciosa, a qual não podia deixar de compartilhar com vocês. Tudo bem que de voyeurismo foi só o começo, mas foi assim que tudo aconteceu.

Espero que tenham gostado, e em breve, mais histórias picantes para vocês!

Beijos, Katherine!
Aqui entre nós, quem nunca se deparou pensando em duas pessoas do mesmo sexo se pegando, e nunca se excitou com isso? Não serei hipócrita a ponto de dizer que isso não me excita, porque me excita e muito, ainda mais da forma como aconteceu comigo.

Estava com visita em casa, havia recebido dois amigos que vieram de fora do Brasil passar alguns dias comigo, porém, eu havia saído para fazer algumas coisas, e demorei um certo tempo na rua. Eis que quando eu voltei para minha casa, e cheguei, estava tudo no mais completo silêncio, imaginei que pudessem ter saído, mas achei estranho, porque as luzes da sala estavam acesas, e eles não me disseram que saíriam.

Como tudo estava quieto, resolvi dar uma conferida pela buraco da fechadura, foi então, que vi os dois se beijando, enquanto um cavalgava no outro. No primeiro momento, me assustei, pois não sabia que eles gostavam de se pegar entre eles, e parei de olhar, mas quando fui para o meu quarto, o tesão falou mais alto, e precisei voltar a espiar...
Olá queridos, ando um pouco sumida do blog, mas não esqueci de vocês, hoje estou passando para divulgar fotos novas e agradecer o trabalho do fotógrafo meu amigo. Quem quiser o contato dele, pode falar comigo pelo whats (41) 9 9526-4065 ou pelo email. Super recomendo!



















Olá queridos, depois de um tempo fora, estou novamente em Curitiba, e atendendo normalmente. Venho com umas fotos novas para vocês.





Depois, fomos para parte da mumificação, comecei a enrolá-lo com filme pvc, enquanto ia enrolando era notável a excitação dele, e ia aumentando a sensação de poder que eu tinha sobre ele. 
Assim que terminei o processo de mumificação o deitei na cama para tocar e acariciar seu corpo, mas não por muito tempo, porque ainda não havia contado, mas ele já tinha recebido umas chicotadas, só que não aguentou muito, então, agora que estava totalmente imóvel resolvi virá-lo para mais chicotadas, agora com mais resistência, devido a proteção do plástico. Bati até ele não aguentar mais. Então, virei ele novamente de frente e comecei a beijar o seu corpo, quando decidi abrir uma parte do plástico, e tirar o pau dele para fora, então comecei a chupá-lo, depois fizemos um 69, ele me chupou o pau e o cuzinho, foi uma delícia.
Por fim, coloquei um plug anal bem fiz ele gozar bem gostoso enquanto o chupava e masturbava.


Gostou? Vem experimentar você também!



Then we went to part of the mummification, I started to wrap it with pvc film, while it was curling was remarkable the excitement of it, and it increased the feeling of power that I had on him.
As soon as I finished the process of mummification I laid him down on the bed to touch and caress his body, but not for long, because he had not yet counted, but he had already received a few lashes, but he could not take much, so now that he was totally Immobile I decided to turn it to more lashes, now with more resistance due to plastic protection. I beat him until he could not take it anymore. Then I turned him around again and started kissing his body, when I decided to open a piece of the plastic, and get his dick out, then I started to suck him, then we did a 69, he sucked my dick and the Cuzinho, it was delicious.
Finally, I put an anal plug well made him enjoy very tasty while sucking and masturbating.


Liked? Come try it yourself too!



video


Sem dúvidas uma prática muito peculiar e envolvente! Estou aqui para relatar a primeira mumificação registrada que pude fazer.
Confesso que sempre achei uma das práticas mais pesadas no quesito psicológico, afinal de contas, o corpo fica quase que como um cadáver, remetendo a imagens de morte, ainda que mentalmente. Porém, essa prática possibilita a imobilização total do submisso para que assim, o dominante possa usufruir do corpo quase estático.
Tive uma sessão que durou quase 3 horas com esse sub, amante de bondage, e que posteriormente descobri que também gosta de dominar, embora não tenha acontecido nada do gênero nesse dia.
Comecei com algo bem leve, que costumo fazer quando estou com iniciantes, apenas uns nós nas mãos e outros nos pés, e comecei a acariciar o corpo dele com meus pés, enquanto passava um óleo para facilitar e também para causar mais tesão.
Foram alguns minutos de podolatria misturada com bondage, tudo muito sensual e light, porém, bastante excitante, o pau dele não ficou mole sequer um minuto, aproveitando os movimentos dos meus pés, que também vez ou outra o masturbavam.
Depois de mais um tempo, resolvi tirar minha roupa e passar o meu corpo sobre o corpo dele, e isso foi uma delícia. Também masturbei o meu pau com o pau dele junto, Enquanto isso, eu aproveitava para vê-lo delirando de tesão...

Vou deixar uma foto aqui para quem curte a prática, e o post com a continuação da sessão, sai na quinta-feira com um pequeno vídeo. Até lá, beijos da Katherine. 



No doubt a very peculiar and engaging practice! I'm here to report the first recorded mummification I could do. I confess that I always found one of the heaviest psychological practices, after all, the body is almost like a corpse, referring to images of death, even mentally. However, this practice allows the total immobilization of the submissive so that the dominant can enjoy the quasi-static body. I had a session that lasted almost 3 hours with this sub, bondage lover, and later discovered that she also likes to dominate, although nothing of the kind happened that day. I started with something very light, which I usually do when I'm with beginners, just a few knots in my hands and others in my feet, and I began to caress his body with my feet, while passing an oil to make it easier and also to cause more heat. It was a few minutes of podolatry mixed with bondage, all very sensual and light, but quite exciting, his cock was not soft for a minute, taking advantage of the movements of my feet, which also sometimes masturbated. After a while, I decided to remove my clothes and put my body over his body, and that was a delight. I also masturbated my dick with his dick along, Meanwhile, I took the opportunity to see him raving about horny ...

I will leave a photo here for those who enjoy the practice, and the post with the continuation of the session, leaves on Thursday with a little video. Until then, Katherine's kisses.


Boa noite!

Good night!